Childhood Stress and Adult Fear, Anxiety and Depression – by Edward Ziff

    Inevitably in life, we encounter threats to our well-being, and indeed some threats may challenge our very survival. In order to survive, we must be prepared to cope with such threats and adversities. Fortunately, the brain can help us by mobilizing protective programs that recruit the help of… Continue lendo…

Modelos Epigenéticos e Transtorno do Estresse Pós-Traumático: por Millene Araújo Romero e Paula de Almeida Souza Santos da Costa

  Introdução   A exposição a eventos estressantes durante o desenvolvimento produz alterações duradouras no eixo hipotálamo-pituitária-adrenal (HPA), que podem aumentar a vulnerabilidade a diversas doença psiquiátricas, incluindo o Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT) e transtornos de humor e ansiedade.  Quando o diagnostico do TEPT começou a ser discutido, a… Continue lendo…

Reconsolidação e evolução da memória: os desafios da nova era- por Taínne Gomes Lopes

  Introdução   A memória desperta o interesse e a imaginação do homem desde a Antiguidade, porém os primeiros estudos científicos foram realizados há pouco mais de um século. Hoje, graças aos avanços das ciências, adquirimos uma razoável compreensão acerca dos mecanismos da formação da memória. Existem diversas conceituações de… Continue lendo…

Como o estresse social leva à depressão? por Victor Colpo e Bruno Ernandes. Resenha do artigo “From Stress to Inflammation and Major Depressive Disorder: A Social Signal Transduction Theory of Depression”. George M. Slavich and Michael R. Irwin -Psychological Bulletin-American Psychological Association 2014, Vol. 140, No. 3, 774–815

Fatores ambientais e sociais podem causar alterações biológicas que  levam à depressão. A chave para o entendimento dessa relação de causalidade é a noção de que o estresse pode modular o sistema imune , o qual influi no funcionamento do sistema nervoso central (SNC). Primeiramente, o SNC, que é a… Continue lendo…

Adversidades durante a infância podem ser fatores de risco para o desenvolvimento de fibromialgia durante a vida adulta? Por Nycolle Bueno e Murillu Augusto Lopes.

      A fibromialgia refere-se a uma condição dolorosa crônica e generalizada. É considerada uma síndrome, porque envolve vários sintomas, como rigidez e fragilidade muscular, fadiga crônica, distúrbios do humor, déficits de cognição e insônia. Além disso, a fibromialgia está associada a aberrações no sistema neuroendócrino, disfunção na regulação… Continue lendo…

Bases Neurobiológicas da Ansiedade – por Ariadne Belavenutti Magrinelli-extraído do livro “Tópicos em Neurociência Clínica”-Elisabete Castelon Konkiewitz-editora UFGD-2009

      1. INTRODUÇÃO 1.1 MEDO E ANSIEDADE O medo é uma resposta adaptativa a situações de perigo, sendo expresso pela resposta de luta-ou-fuga mediada pela divisão simpática do sistema nervoso autônomo. A expressão inapropriada de medo caracteriza os transtornos de ansiedade.2 A ansiedade e o medo estão intimamente… Continue lendo…