Neurofisiologia da dor-por Diego Fleury de Lemos Pereira

1.INTRODUÇÃO   O termo dor, tem sua origem no latim dolor, que significa sofrimento. Em populações primitivas, a dor derivada de lesões físicas era compreendida, no entanto, aquela relacionada as doenças, eram atribuídas a forças sobrenaturais e a penalização por pecados humanos (Lent, 2008). Hoje, sabemos que a dor é … Continue lendo…

Tratamento experimental inibe a dor de animais com neuropatia diabética-Ciência&Mulher-Publicação da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência

    Um peptídeo conhecido como hemopressina – naturalmente encontrado no organismo humano e de outros mamíferos – se mostrou uma alternativa promissora no tratamento da neuropatia diabética em experimentos com camundongos conduzidos no Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo (ICB-USP). Os primeiros resultados da pesquisa, realizada … Continue lendo…

Neurologista do HU-UFGD desenvolve vídeos para orientar pacientes e familiares-Ciência & Mulher-Publicação da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência–canal youtube: https://www.youtube.com/channel/UCrE1N1p5tTnErP5rUA8lrxA

      Assim como em todas as áreas do conhecimento, os recursos audiovisuais têm se mostrado ferramentas muito úteis no âmbito da saúde, desempenhando papel importante na informação de profissionais e pacientes. Seguindo a tendência, uma colaboradora do Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados (HU-UFGD) vem ganhando … Continue lendo…

Estudo associa dor crônica à depressão e ao estresse social-Texto por Silvio Anunciação-Jornal da UNICAMP

Pesquisa identificou mecanismos neurofisiológicos comuns em experimentos feitos com animais Fotos: Antonio Scarpinetti, Edição de Imagens: André Vieira   Uma pesquisa desenvolvida no Instituto de Biologia (IB) da Unicamp revelou, em experimentos com animais, que o estresse social pode ser uma das causas tanto dos quadros depressivos como de dores crônicas. O estudo … Continue lendo…

Por que a dor neuropática é mais comum no idoso? Alterações associadas à idade predispondo à neuroplasticidade mal adaptativa, por Elisabete Castelon Konkiewitz e Edward Benjamin Ziff

Neurociências • Volume 8 • Nº 4 • outubro/dezembro de 2012-Editora Atlântica Resumo A dor neuropática é uma forma de dor patológica grave, muitas vezes incapacitante e de difícil tratamento, resultando da neuroplasticidade mal adaptativa do sistema nervoso central (SNC) e periférico (SNP) como conseqüência de sua lesão, ou disfunção. … Continue lendo…

Repercussões neurológicas do Diabetes Mellitus – por Otávio Silva Rodrigues Filho e Maikon Augusto Aranda

INTRODUÇÃO O Diabetes Mellitus (DM), não é apenas um tipo de patologia isolada, mas sim um grupo de desordens metabólicas de diferentes etiologias, que têm a hiperglicemia como característica em comum. Estima-se que no Brasil a prevalência da doença seja de 9,2% da população, sendo que a DM corresponde a … Continue lendo…

Adversidades durante a infância podem ser fatores de risco para o desenvolvimento de fibromialgia durante a vida adulta? Por Nycolle Bueno e Murillu Augusto Lopes.

      A fibromialgia refere-se a uma condição dolorosa crônica e generalizada. É considerada uma síndrome, porque envolve vários sintomas, como rigidez e fragilidade muscular, fadiga crônica, distúrbios do humor, déficits de cognição e insônia. Além disso, a fibromialgia está associada a aberrações no sistema neuroendócrino, disfunção na regulação … Continue lendo…

Dor do membro fantasma- por Ana Carolina F. Gonçalves Sarzi e Jéssica Krieger de Souza

Introdução Dor do membro fantasma “phantom pain” e sensações de membro fantasma estão ligados, mais devem ser diferenciados um do outro. Enquanto, sensações de membros fantasmas são experimentados por aqueles com deficiência congênita de um membro, lesão da medula espinhal ou amputação, a dor do membro fantasma quase que exclusivamente … Continue lendo…

Dor e Sistema Límbico: os mesmos circuitos cerebrais ativados na dor física também participam da dor afetiva – Por Janieli Monteiro; Jaquelyne Oliveira; Lorene Maira; Pedro Fonseca

Introdução: A dor é uma experiência complexa essencial para o ser humano, que inclui componentes sensoriais e afetivos. Responsável pela organização de estados e experiências emocionais e de suas expressões somáticas, o sistema límbico possui grande relevância em pacientes com dor. Sob uma perspectiva evolutiva o sistema de alerta às … Continue lendo…