Adversidades durante a infância podem ser fatores de risco para o desenvolvimento de fibromialgia durante a vida adulta? Por Nycolle Bueno e Murillu Augusto Lopes.

      A fibromialgia refere-se a uma condição dolorosa crônica e generalizada. É considerada uma síndrome, porque envolve vários sintomas, como rigidez e fragilidade muscular, fadiga crônica, distúrbios do humor, déficits de cognição e insônia. Além disso, a fibromialgia está associada a aberrações no sistema neuroendócrino, disfunção na regulação… Continue lendo…

Dor do membro fantasma- por Ana Carolina F. Gonçalves Sarzi e Jéssica Krieger de Souza

Introdução Dor do membro fantasma “phantom pain” e sensações de membro fantasma estão ligados, mais devem ser diferenciados um do outro. Enquanto, sensações de membros fantasmas são experimentados por aqueles com deficiência congênita de um membro, lesão da medula espinhal ou amputação, a dor do membro fantasma quase que exclusivamente… Continue lendo…

Dor e Sistema Límbico: os mesmos circuitos cerebrais ativados na dor física também participam da dor afetiva – Por Janieli Monteiro; Jaquelyne Oliveira; Lorene Maira; Pedro Fonseca

Introdução: A dor é uma experiência complexa essencial para o ser humano, que inclui componentes sensoriais e afetivos. Responsável pela organização de estados e experiências emocionais e de suas expressões somáticas, o sistema límbico possui grande relevância em pacientes com dor. Sob uma perspectiva evolutiva o sistema de alerta às… Continue lendo…

Dor na doença de Parkinson-por Jaquelyne Oliveira Silva e Pedro Fonseca Ferreira

Introdução     Dor é um sintoma muito frequente na Doença de Parkinson (DP). Desde a primeira descrição (1817) por James Parkinson, já se fazia referência à “dor do tipo reumática” ipsilateral à extremidade afetada. Charcot, posteriormente, descreveu diferentes tipos de dor experienciados pelos pacientes com DP. Os sintomas não… Continue lendo…

A dor que sentimos-por Stefânia Forner

Dor é um processo fisiológico e de sobrevivência, nos faz sentirmos “vivos” e serve como um alerta contra ameaças à integridade física do organismo, uma vez que pessoas que não sentem dor tem expectativa de vida bastante curta. Falar de dor e não pensar em Frida Kahlo, artista mexicana e… Continue lendo…

Opióides no tratamento da dor crônica: mecanismos de dependência e o papel do glutamato no desenvolvimento da tolerância por Andressa Mendonça Davi, Letícia Teixeira, Natalha Bristot Paurosi e Thiago Cunha Rodrigues.

(Autores: Andressa Mendonça Davi, Letícia Teixeira, Natalha Bristot Paurosi e Thiago Cunha Rodrigues) A dor crônica afeta cerca de 20% da população nos países desenvolvidos.¹ Mulheres e idosos compõem os grupos mais afetados². Há ainda, um consenso atual de que existe uma alta prevalência de dor crônica em nações industrializadas³.… Continue lendo…