Pais e cuidadores-parte 2: como ajudar sua criança na escola-por Elisabete Castelon Konkiewitz

Neste vídeo a Profa. Dra. Elisabete Castelon Konkiewitz se dirige aos pais/ cuidadores de crianças com problemas na escola. Fornece algumas orientações sobre como ajudá-las a superar suas dificuldades. Continue lendo…

Novos paradigmas para a educação dos superdotados: A questão dos estudantes underachievers e com dupla excepcionalidade-por Vanessa Terezinha Alves Tentes.

Trechos de um capítulo do livro “Altas habilidades/superdotação, inteligência e criatividade” – Angela M. R. Virgolim, Elisabete Castelon Konkiewitz (orgs.)-editora Papirus-201 4. A primeira década do século XXI chegou ao fim, marcada pelo desenvolvimento de uma sociedade cada vez mais interconectada, mediada por tecnologias da informação e da comunicação e… Continue lendo…

Superdotação-processos criativos, afetivos e desenvolvimento de potenciais. Ângela Rodrigues Virgolim. Ed Juruá. 2018

  Sumário Capítulo 1 – Reexaminando o papel da educação para superdotados e o desenvolvimento de talentos para o século XXI: Uma abordagem teó- rica em quatro partes ……………………………………………………………………………. 17 Joseph S. Renzulli Capítulo 2 – Vivendo com intensidade e sensibilidade: Um olhar para o mundo emocional da criança superdotada,… Continue lendo…

TEXTO COMPLETO-APOIANDO A CRIANÇA NA ESCOLA: CARTILHA INFORMATIVA PARA PAIS E PROFESSORES. ELISABETE CASTELON KONKIEWITZ. 2009.

       AUTORIA: Elisabete Castelon Konkiewitz Graduada em Medicina pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) em 1993 e doutora em Neurologia pela Technische Universität München (Alemanha) em 2002. Desde 2008, professora adjunta da Faculdade de Ciências da Saúde (Curso de Medicina) na Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD).… Continue lendo…

O emprego como espaço de oportunidade: todas as formas de pensamento podem ser construtivas. Trecho do livro Espectro do Autismo, Criatividade e Emoções (talentos e oportunidades criativas) Um novo olhar sobre o Espectro do Autismo através da obra de Camila Falchi. Elisabete Castelon Konkiewitz e Edward Benjamin Ziff. Pulso Editorial, 2017.

Ter um emprego significa ocupar um espaço na comunidade, ter uma rotina organizada, conviver com outras pessoas fora do círculo familiar e entender-se como alguém capaz de participar e de contribuir com a sociedade. O emprego confere um senso de dignidade e propósito e a retribuição financeira permite maior independência… Continue lendo…