Neuroeducação e Inteligência: como as artes e a atividade física podem contribuir para a melhora cognitiva- por Alfred Sholl-Franco, Tatiana Maia Barreto e Talita da Silva de Assis

Trechos do capítulo do livro Altas Habilidades/Superdotação. ângela Virgolim & Elisabete Castelon Konkiewitz. Papirus, 2014. Introdução Há alguns anos a organização e a distribuição da grade curricular escolar eram focadas nas inteligências lógico-matemática e linguística, características prioritariamente cobradas nos testes de QI (Coeficiente de Inteligência) para categorizar o nível de… Continue lendo…

Transtorno do Espectro Autista: diagnósticos diferenciais, por Gustavo Wolff Cardoso

O Transtorno do Espectro autista (TEA) é uma desordem de base biológica do desenvolvimento neurológico caracterizada por déficits persistentes na comunicação e interação social associados a restrições e repetições de padrões de comportamento, interesse e atividades [1]. A prevalência do TEA aumentou ao longo dos anos, particularmente desde o final… Continue lendo…

Pais e cuidadores-parte 1: como ajudar sua criança na escola-por Elisabete Castelon Konkiewitz

Neste vídeo a Profa. Dra. Elisabete Castelon Konkiewitz se dirige aos pais/ cuidadores de crianças com problemas na escola. Fornece algumas orientações sobre como ajudá-las a superar suas dificuldades. Continue lendo…

A importância do relatório dos educadores sobre o desempenho e o comportamento da criança na escola-por Elisabete Castelon Konkiewitz

A Profa. Dra. Elisabete Castelon Konkiewitz fala sobre a importância do relatório dos educadores sobre o desempenho e o comportamento da criança na escola para o estabelecimento do diagnóstico pelo médico neurologista/ psiquiatra. Continue lendo…

Novos paradigmas para a educação dos superdotados: A questão dos estudantes underachievers e com dupla excepcionalidade-por Vanessa Terezinha Alves Tentes.

Trechos de um capítulo do livro “Altas habilidades/superdotação, inteligência e criatividade” – Angela M. R. Virgolim, Elisabete Castelon Konkiewitz (orgs.)-editora Papirus-201 4. A primeira década do século XXI chegou ao fim, marcada pelo desenvolvimento de uma sociedade cada vez mais interconectada, mediada por tecnologias da informação e da comunicação e… Continue lendo…

Superdotação-processos criativos, afetivos e desenvolvimento de potenciais. Ângela Rodrigues Virgolim. Ed Juruá. 2018

  Sumário Capítulo 1 – Reexaminando o papel da educação para superdotados e o desenvolvimento de talentos para o século XXI: Uma abordagem teó- rica em quatro partes ……………………………………………………………………………. 17 Joseph S. Renzulli Capítulo 2 – Vivendo com intensidade e sensibilidade: Um olhar para o mundo emocional da criança superdotada,… Continue lendo…

O QUE AS ADVERSIDADES NA INFÂNCIA TÊM PARA NOS DIZER SOBRE A PREVENÇÃO DO HIV? – por Brenda Barzotto Arnold e Murilo Higa Cimatti de Andrade Kratz Resenha do artigo: Fang, L., Chuang D.M., Lee, Y. Adverse childhood experiences, gender, and HIV risk behaviors: Results from a population-based sample. Preventive Medicine Reports 4 (2016) 113-120.

A identificação de características preditivas em um indivíduo é foco em diversas áreas do conhecimento humano. Na educação, podemos tomar como exemplo os diversos perfis de alunos e suas necessidades, que levam ao desenvolvimento de teorias e formulação de estudos para obter o máximo de desenvolvimento intelectual possível para aquela… Continue lendo…

Trecho do livro-Espectro do Autismo, Criatividade e Emoções (talentos e oportunidades criativas)-Elisabete Castelon Konkiewitz e Edward Benjamin Ziff

O espectro do autismo: neurônios, cérebro e comportamento: Uma breve apresentação A maioria de nós já vem ao mundo com um funcionamento cerebral que nos permite aprender espontaneamente e com facilidade a comunicação com outras pessoas e a assimilação das regras e convenções de comportamento do nosso grupo cultural. Esse… Continue lendo…