“O processo” de Franz Kafka e as Neurociências: bases neurobiológicas do delírio- um esboço de ensaio-por Elisabete Castelon Konkiewitz

O.I O romance A história de “O Processo” se inicia subitamente, quando o personagem principal, Josef K.,  é surpreendido pela manhã em seu quarto por dois homens desconhecidos. Ele então descobre que os mesmos são policiais, funcionários da Justiça, e que ele está preso. Os guardas, porém, não sabem e… Continue lendo…

A Realidade dos Sonhos –por Kaique Miranda: Resenha do artigo “Virtual reality and consciousness inference in dreaming” de James Allan Hobson 

Figura 1_ “O Sonho” de Pierre Puvis de Chavannes (1883) Um mundo repleto de criatividade, fantasia, mistério, possibilidades e principalmente curiosidade, assim são os sonhos perante os homens desde sua concepção. Uma experiência que possui explicações distintas dependentes dos objetos utilizados para analisá-los sejam eles a religião, a ciência ou… Continue lendo…

O médico rural – por Franz Kafka “Traído! Traído! Depois de ter acorrido a um falso alarme noturno, já não há remédio. Nunca mais”.

O Médico rural – FRANZ KAFKA O médico rural precisa cumprir o seu papel, por mais pesado que lhe seja este fardo. Ele se sente impotente diante das circunstâncias que ora o impedem, ora o impulsionam, mas sempre se lhe impõem e diante das expectativas nele colocadas, sempre impossíveis de… Continue lendo…

Sonho como uma intensificação da mente vagando – resenha do artigo “Dreaming as mind wandering: evidence from functional neuroimaging and first-person content reports”

Kieran C. R. Fox, Savannah Nijeboer, Elizaveta Solomonova, G. William Domhoff, and Kalina Christoff.  Frontiers in Human Neuroscience, 2013; 7: 412             http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3726865/#__ffn_sectitle Os sonhos e a mente vagando (popularmente denominada “sonhar acordado”) influenciaram a humanidade por séculos sendo responsáveis por grandes avanços científicos, incluindo descoberta de o anel de benzeno… Continue lendo…